Guerra não é caminho para a solução de problema e impõe sofrimento a pessoas inocentes, diz Papa

Redação Vibenews

Redação Vibenews

Israel e o grupo extremista Hamas estão em guerra.

O conflito começou no último fim de semana, após o grupo extremista, que domina a Faixa de Gaza, ter atacado Israel por água, mar e ar, deixando, já no primeiro dia, dezenas de mortos.

Israel revidou os ataques e declarou guerra.

O papa Francisco, líder da Igreja Católica, se manifestou, pedindo o fim dos ataques e da violência na região de Gaza, onde vivem aproximadamente 2 milhões de pessoas.

O Papa Francisco afirmou que terrorismo e guerra não são caminho para a solução de nenhum problema e impõe sofrimento e morte a pessoas inocentes.

O Papa concluiu dizendo que “a guerra é uma derrota” e pedindo paz para os países envolvidos no conflito. “Rezemos pela paz em Israel e na Palestina”.

O Pontífice se absteve de fazer uma referência específica à Faixa de Gaza ou ao grupo palestino Hamas, que lançou uma ofensiva surpresa contra Israel na madrugada de sábado e deixou centenas de mortos de ambos os lados.

Francisco expressou solidariedade com os parentes das vítimas e afirmou estar em oração por  todos aqueles que estão passando por terror e angústia.

O Conselho de Segurança da ONU se reuniu emergencialmente no domingo para tratar sobre o conflito. O encontro, que foi presidido pelo Brasil foi realizado em Nova York, nos Estados Unidos, a portas fechadas e terminou sem acordo.

Compartilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
WhatsApp

Relacionados

5 milhões se inscreveram para Enem 2024

Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) registraram 5.055.699 inscrições para o Exame Nacional do Ensino

Participe do Sorteio Cadastrando Abaixo!