Comércio deve abrir 108,5 vagas temporárias nesta reta final de 2023, maioria no setor de supermercados

Redação Vibenews

Redação Vibenews

Fim de ano deve ter maior número de vagas temporárias desde 2013.

A previsão é da CNC, a Confederação Nacional do Comércio, que estima 108 mil e 500 vagas preenchidas daqui entre novembro e dezembro.

Se isso acontecer, será o maior patamar dos últimos 10 anos. Em 2013, em razão das festas do fim de ano, foram abertos 115 e 500 mil postos temporários.

As mais de 108 mil vagas previstas para este ano representam crescimento de 5,6% em relação ao ano passado, quando foram registradas 97,9 mil contratações.

Segundo a entidade, o segmento de hiper e supermercados é o que mais deve contratar temporários, abrindo em torno de 45,4 mil vagas, seguido por vestuário e calçado, com 25,1 mil; o segmento de utilidades domésticas e eletroeletrônicos deve abrir em torno de 16 mil; livrarias e papelarias outras 9,31 mil; e móveis e eletrodomésticos, com 5,7 mil vagas.

Ainda de acordo com a entidade apesar de hiper e supermercados concentrarem a maior parte das vagas, quem fatura mais nesta época do ano é o segmento de vestuário: enquanto o faturamento nos mercados cresce em torno de 30%, nas lojas especializadas no comercio de roupas o salto é de 90%.

Compartilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
WhatsApp

Relacionados

5 milhões se inscreveram para Enem 2024

Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) registraram 5.055.699 inscrições para o Exame Nacional do Ensino

Participe do Sorteio Cadastrando Abaixo!