Cidadão com multa eleitoral deve regularizar a situação até oito de maio

Urna Eletrônica
Redação Vibenews

Redação Vibenews

Se você tem multa eleitoral para pagar, o prazo para regularização é oito de maio.

Os débitos podem ser quitados via Pix, por boleto, com a Guia de Recolhimento da União, e com cartão de crédito.

Precisa regularizar a situação quem faltou nas últimas eleições e não justificou a ausência ou então deixou de comparecer aos trabalhos eleitorais. O cadastro eleitoral é fechado no dia nove de maio e só reaberto após o pleito de outubro.

Quem está irregular com a justiça eleitoral não pode votar e nem ter acesso a alguns serviços, como tirar o CPF e renovar o passaporte.

O eleitor que deixar de votar por três eleições seguidas ou não pagar as multas e não se justificar no prazo legal tem o cadastro cancelado.

É possível consultar a situação eleitoral no site do Tribunal Superior Eleitoral, clicando na opção “serviços”. Ao entrar na página, é só informar o nome, número do título ou CPF, data de nascimento, nome da mãe e do pai e clicar em “Consultar”.

Caso não haja pendências a situação vai aparecer como “regular”. Se houver débitos é possível escolher a forma de pagamento e já quitar.

Se a opção for boleto e o valor menor do que 50 reais o pagamento só pode ser feito no Banco do Brasil.

Compartilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
WhatsApp

Relacionados

Participe do Sorteio Cadastrando Abaixo!